Descubra como enfrentar os reajustes constantes na conta de luz

Foto: Unsplash

Veja as dicas de especialistas para economizar energia em casa.

Os reajustes tarifários das contas de luz têm assustados os moradores de todo o estado de Santa Catarina. O último deles divulgado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) contou com aumento de 50% no valor da bandeira amarela e de 20% nos dois patamares da bandeira vermelha. Como se isso não fosse peso suficiente no bolso dos catarinenses, a Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), responsável pela distribuição de energia no estado, anunciou no mês passado uma cobrança extra de R$1,50 para cada 100 kWh consumidos ao mês.

As subidas de preço não são exclusividade dos catarinenses, os reajustes estão acontecendo em todo o país e são impulsionados principalmente por fatores como a incidência de chuva, já que grande parte da energia brasileira é gerada em hidrelétricas.

Conforme site R7, com as reservas em baixa, é necessário utilizar outras fontes de energia, como as termelétricas, para gerar todo o volume necessário e isso acaba encarecendo o serviço que pode chegar a custar R$6 por 100 kWh consumidos. 

Neste cenário de incerteza e altos preços, o melhor a se fazer é adotar medidas de economia para evitar sustos. Para reduzir a energia em casa, não é necessário investir em produtos energeticamente eficientes.

A economia de energia pode vir de ações simples como desligar luzes ou aparelhos enquanto não estiver usando. Também é possível depender menos dos eletrodomésticos organizando as tarefas semanalmente (por exemplo: passar roupas sempre aos domingos para diminuir o uso de ferro de passar) ou até mesmo realizando as tarefas domésticas manualmente, como secar as roupas no varal em vez de colocá-las na secadora. 

Dicas para economizar energia em casa: 

Desconecte os “ladrões” de energia 

Aparelhos como o computador, a televisão, o videogame, o carregador de celular e os eletrodomésticos da cozinha consomem quase tanta energia quando estão conectados mas sem uso, como quando estão em uso. Para economizar, desconecte sempre esses itens da tomada quando não estiver usando. 

Feche suas cortinas durante o dia 

No verão, manter as cortinas fechadas durante o dia ajudará a manter o ambiente mais fresco. No inverno, fazendo o oposto, a luz do sol ajudará a aquecê-lo. Você pode até considerar mudar os móveis de lugar de acordo as estações do ano para aproveitar ou evitar o sol. 

Embrulhe ou cubra os alimentos e bebidas na geladeira 

Quando os alimentos liberam umidade, eles fazem com que o compressor da geladeira trabalhe mais para mantê-la fria. Envolva a comida e a bebida com um filme plástico para que a umidade não interfira na temperatura da geladeira ou, melhor ainda, coloque os alimentos em um recipiente reutilizável com tampa para evitar jogar fora o plástico. 

Cubra as panelas e frigideiras ao cozinhar 

Embora pareça bobo, muito do calor gerado ao cozinhar escapa se não usamos uma tampa. Isso aumentará o tempo de aquecimento da panela, d’água e, por consequência, irá consumir mais energia.

Crédito:
Portal Éder Luiz

Sobre Ambiental Mercantil Notícias 712 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS é um canal que promove o meio ambiente, através de tecnologias ambientais e inovações, produtos e serviços de sustentabilidade, nacionais e internacionais.