Últimas notícias

Projeto de desenvolvimento é o Novo Rural, que reflete numa cadeia produtiva extensa do agronegócio!

Foto-montagem:  imagens da internet, SAES Advogados – Mata Ciliar na Categoria Florestal e Neomundo – Água cor de ouro

Que significa novos modelos de matrizes produtivas com técnicas de manejo e tecnologia, adesão ao Plano ABC do MAPA e ILPF da EMBRAPA gerando mais produtividade e consequentemente rentabilidade, e também, o Programa Plantadores de Rios do MMA, Projeto BIOMAS da EMBRAPA/MMA, e EMBRAPA-Visão 2030 o Futuro da Agricultura Brasileira, e a IRRIGAÇÃO de precisão é imprescindível!

Tudo isso gerando Novos Negócios, Emprego e Renda na EXTENSA Cadeia Produtiva do AGRONEGÓCIO, em que faz parte a AGROINDÚSTRIA, assim como toda a extensão do mercado distribuidor e transformador, como exemplo: padarias e assim até o consumidor final.

Neste vídeo, de 04-06-18, o Jornalista Tobias Ferraz da TV Terra Viva Sustentável, entrevista o Diretor da Agroícone Rodrigo Lima, que elaborou um minidocumentário sobre a LPVN – Lei de Proteção da Vegetação Nativa, que é o Novo Código Florestal, Lei 12.651/12, constitucionalizada pelo STF – Supremo Tribunal Federal em fev/18.

Além do minidocumentário, o Diretor da Agroícone responde muitas interrogações sobre o AGRONEGÓCIO e soluções! Acesse:

https://tvuol.uol.com.br/video/assista-ao-primeiro-bloco-do-terraviva-sustentavel-deste-sabado-04-04020E99326AE0C15326

Continua:

https://tvuol.uol.com.br/video/assista-ao-segundo-bloco-do-terraviva-sustentavel-deste-sabado-04-04020C1A326AE0C15326

Terceiro Bloco:

https://tvuol.uol.com.br/video/assista-ao-terceiro-bloco-do-terraviva-sustentavel-deste-sabado-04-04020D1A326AE0C15326

Parte final:

https://tvuol.uol.com.br/video/assista-ao-quarto-bloco-do-terraviva-sustentavel-deste-sabado-04-04024E1A326AE0C15326

O Novo Rural é a promoção das práticas AGROSILVOPASTORIS, diversificando as atividades, dessa maneira não desmata, potencializa os volumes de água superficiais e subterrâneas, formando ESTOQUES DE ÁGUA na propriedade, preservando, conservando e produzindo, garantindo o Capital Financeiro Futuro, como:

Créditos de Carbono – mercado de títulos com potencial retorno, com os Negócios Verdes se multiplicando, e as Empresas Forest Friends e Harpia Green Business e Biofílica Investimentos S.A., já estão comercializando Títulos de Créditos de Carbono.

-Reserva Legal – com uso sustentável em Negócios Verdes, produzindo com a Floresta em pé! Pois, são diversos os produtos que a natureza oferece, que significa muito mais lucro com floresta em pé! E já pensou em apicultura? Entre muitas outras atividades;

-Negócios Verdes com a Vocação Florestal do Brasil – INVESTIMENTOS com projeto VERENA da WRI, Florestas Plantadas consorciadas com Lavoura. MAIS SOLUÇÕES! Acesse:

http://www.projetoverena.org/index.php/pt-br/publicacoes/videos/124-video-institucional-do-projeto-verena

-Recuperação de Pastagens Degradadas, que promove benefícios para o solo e a produção do BOI VERDE, carne de alta qualidade segundo os especialistas em Pecuária, e está associado às Florestas Plantadas que sombrea o gado, que é o Sistema ILPF.

-Veja a BÁRBARA campanha da TV Terra Viva, no programa SOMOS AGRO que o jornalista Otávio Ceschi Jr. narra sobre o Sistema ILPF “…é tudo junto e misturado… melhora a renda dos produtores….em uma área só a produção é multiplicada…” e MUITO MAIS!!!! Acesse:
http://tvterraviva.band.uol.com.br/videos/ultimos-videos/16454357/campanha-reforca-comunicacao-entre-o-campo-e-a-cidade.html

-Compensação Ambiental, que é mais uma oportunidade de Reflorestamento para Produção de Água. E para beneficiar o Produtor Rural a ESALQ e BIOFLORA criaram a: “Metodologia para Restauração Florestal em situações SEM potencial de Regeneração Natural”, com baixo custo, formando uma Floresta Nativa em metade do tempo, consequentemente a formação de ESTOQUE DE ÁGUA em menor tempo, desta maneira beneficiando a propriedade. TUDO QUE O PRODUTOR RURAL BRASILEIRO PRECISA!!! Acesse: https://www.youtube.com/watch?v=Z2tqWyYsrBU

– Plano Safra 2018/2019 – mesmo sabendo que MUITO tem que se fazer pelo Produtor Rural Brasileiro….pois, é fato a VOCAÇÃO DO AGRONEGÓCIO, e haja visto as dimensões do nosso país que é continental, PRECISA-SE DE MUITO MAIS!!!

BNDES muda financiamento ambiental para atrair as atividades AGROSILVOPASTORIS: “Com juros altos, instituição passou a ter que ir atrás dos clientes para fechar negócios…..Interessado em ganhar mais clientes do agronegócio, o BNDES mudou sua política de financiamento ambiental para permitir que produtores rurais usem dinheiro do banco na recuperação de áreas desmatadas”, anunciou a Folha de São Paulo de 20-06-18. Acesse:

https://www1.folha.uol.com.br/amp/mercado/2018/06/bndes-muda-financiamento-ambiental-para-atrair-agricultores.shtml?__twitter_impression=true

– BB – Banco do Brasil e BID – Banco Interamericano Desenvolvimento, atraindo as atividades AGROSILVOPASTORIS: “Trata-se de uma cooperação técnica e financeira, com a finalidade de mobilizar investimento privado nas ações de mitigação e modelos de negócios sustentáveis e de baixo carbono.” Acesse:

https://medium.com/@BancodoBrasil/bb-e-bid-iniciam-parceria-para-financiamentos-verdes-6a892c572507

Para clarear mais um pouco, um assunto de tanta IMPORTÂNCIA, que movimenta toda a PRODUÇÃO do nosso país, e do mundo: ESTOQUE DE ÁGUA, e por consequência todo o MEIO AMBIENTE, que é PARCEIRO e fundamental FORNECEDOR para todos os cultivares, logo, ÁGUA é economicamente a BASE.

Por isso, cito algumas linhas do atual livro do Economista Dr. Roberto Luis Troster, com título “O bê-à-bá da Política Econômica no Brasil de 2018”, pág. 40:

“A recusa em mudar faz com que se crie uma situação que todos perdem….Há situações em que todos perdem, são os equilíbrios perversos. A busca por lucros econômicos imediatos prejudica os resultados de prazos mais longos. A extração de madeira e as queimadas na Amazônia dão lucro a poucos por um certo período em detrimento de um Desenvolvimento Sustentável da região”.

Tal situação de extração e/ou queimadas se repetiu(em) nos outros Biomas, já bastante degradados, porque o CAPITAL NATURAL foi destruído por décadas….por centenas de anos, e reconstruir o CAPITAL NATURAL estará garantido a PRODUÇÃO e o CAPITAL FINANCEIRO CERTO!

O Brasil, no Acordo de Paris – COP 21/2015, marcou termo com a Contribuição Nacionalmente Determinada de 12 milhões de hectares, e, não há mais dúvidas, que a comercialização de Títulos de Crédito de Carbono, é vantagem GRANDIOSA para realização, dos conhecidos, Negócios Verdes e/ou Negócios Sustentáveis.

Também a recente decisão do BNDES, BB e BID INCENTIVANDO o Produtor Rural com atividades AGROSILVOPASTORIS, para que assim, possa realizar em suas propriedades a recuperação de áreas degradadas na mata ciliar e nascentes, o enriquecimento da Reserva Legal, e a Compensação Ambiental com floresta nativa, potencializando, o ESTOQUE de ÁGUA, ou, com florestas comerciais como apresenta o Projeto Verena da WRI, ou, florestas para Negócios madeireiro, moveleiros, de papel e celulose, entre outros.

Desta maneira, se (re) construirá o Meio Ambiente, que repito, é PARCEIRO, para que se obtenha a EFICIENTE PRODUÇÃO DE ÁGUA, que vale mais que OURO!

Porque OURO, certamente será, pensar em Negócios Sustentáveis, que é preciso, e de forma perpétua, que traz à tona a questão de Sucessão Familiar, pois, (re) construir é para perpetuar o AGRONEGÓCIO, que atenda aos requisitos dos mercados internacionais, que significa DESENVOLVIMENTO PARA SEMPRE, e, de forma SUSTENTÁVEL!

Por isso eu afirmo o lema: Preservação, Conservação e Produção que é o tripé Solo x Água x Floresta que são INDISSOCIÁVEIS, o Meio Ambiente é nosso PRINCIPAL FORNECEDOR. A Água é um BEM COMUM, a Água é alimento, a Água é formadora de alimentos, a Água é INSUMO INSUBSTITUÍVEL, VALENDO MAIS QUE OURO!!! E quem produz água é a FLORESTA NATIVA!!! COM REFLORESTAMENTO E CESSANDO O DESMATAMENTO, trabalhando com o Programa do MAPA “Mais com Menos” gerando maior produtividade e rentabilidade, e o Sistema ILPF, entre outras soluções pós Fórum das Águas, para construção de um BRASIL SUSTENTÁVEL!

Para tanto, precisamos permanecer atentos à administração sistêmica, que consiste na abordagem ecoeficiente (eficiente com respeito ao Meio Ambiente) e com garantias de Capital Futuro, ou seja, desenvolvimento com planejamento e estratégias ambientais sustentáveis, conduzindo corretamente as técnicas de manejo e tecnologias para obter maior produtividade e rentabilidade.

Encontramos no livro Desenvolvimento Sustentável Florestas, do Prof. Dr. Eng. Florestal da UFES Luiz Fernando Shenttino (que vamos nos prender ao conceito e não aos dilemas que provocam entraves ao processo), ele aponta que nos programas desenvolvimentistas:

“…Vantagens ao desenvolvimento sustentável é a perpetuidade dos recursos ambientais…para geração de riquezas pelas atividades econômicas, não se situe acima das necessidades sociais, da proteção dos ecossistemas e da qualidade de vida… é fundamental que se ofereçam condições para que os fatores ambientais básicos – o ar, a água, o solo, a fauna, a flora, o microbiota e o homem – não cheguem em seus potenciais mínimos de demanda….”,

Logo, devemos minorar e mitigar desequilíbrios para não perdermos os meios – CAPITAL NATURAL – para obtermos o – CAPITAL FINANCEIRO FUTURO-.

Lembramos que o outro fato que impede e que desestabiliza o AGRONEGÓCIO e a extensa cadeia produtiva em nosso país – são os problemas políticos -, que entravam o DESENVOLVIMENTO. E aprendemos que nosso país tem problemas políticos e NÃO ECONÔMICOS.

Enfim, ainda assim o AGRONEGÓCIO contribui enormemente na formação do PIB e movimenta a Balança Comercial, logo, merecia muita, mais muita atenção, pois, em seguida beneficiaria a AGROINDÚSTRIA E A EXTENSA CADEIA PRODUTIVA, que geram Negócios, Emprego e Renda.

Sugestão complementar de leitura para maior conhecimento sobre o tema em questão:

-AGROÍCONE – Informações sobre Agricultura e Cenários de INCENTIVOS para o Produtor Rural
http://www.agroicone.com.br/

-WRI, Diretora Executiva Raquel Birdmann explana sobre PROJETO VERENA – INVESTIMENTOS para futuros NEGÓCIOS VERDES, acesse:
1. http://www.projetoverena.org/index.php/pt-br/publicacoes/videos/124-video-institucional-do-projeto-verena
2. http://www.projetoverena.org/index.php/pt-br/component/search/?searchword=projeto%20verena&searchphrase=all&Itemid=9999
3. https://wribrasil.org.br/sites/default/files/uploads/Verena_Parceiros.pdf

-FOREST FRIEND, é uma empresa de Negócios Verdes que comercialização Títulos de Crédito de Carbono, saiba mais acessando:
https://www.forestfriend.org/

-HARPIA GREEN BUSINES é outra empresa de Negócios Verdes, acesse também:
https://sequestrarcarbono.com/2016/12/23/projetos-de-carbono-como-fazer-projetos-de-credito-de-carbono-e-contribuir-para-economia-de-baixo-carbono/

– Reflorestamento da Biofílica Investimentos S.A. – Redd+: adquira seus Títulos de Crédito de Carbono com Compensação Ambiental, através de Projetos de Reflorestamento da Biofílica Investimentos S.A. E, também, veja o financiamento rural para recuperação de mata ciliar e Reserva Legal. São Projetos que estimulam as atividades florestais com sustentabilidade, acessehttp://www.biofilica.com.br/web/index.php#car

-Comissão Mista de Mudanças Climáticas TV SENADO em 20-06-18 “Debate Plano Agricultura de Baixa Emissão de Carbono”

– Plano Safra 2018/2019
https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/setor-que-tirou-brasil-da-crise-exige-reducao-de-juros-para-financiar-producao-5ad2xd709oby8vljf7dw4le3r

– Agricultura de Baixa Emissão de Carbono – Plano ABC do MAPA
http://www.agricultura.gov.br/assuntos/sustentabilidade/plano-abc/plano-abc-agricultura-de-baixa-emissao-de-carbono
http://www.agricultura.gov.br/assuntos/sustentabilidade/plano-abc

– ABAG – Novo Código Florestal
http://www.abag.com.br/media/files/revista-abag-109-compressed.pdf

– EMBRAPA – Sistema ILPF
https://www.embrapa.br/web/rede-ilpf
https://www.embrapa.br/tema-integracao-lavoura-pecuaria-floresta-ilpf

-EMBRAPA – Recuperação de Pastagens Degradadas
https://www.embrapa.br/busca-de-publicacoes/-/publicacao/951322/degradacao-recuperacao-e-renovacao-de-pastagens

– MapBiomas: plataforma online mapeia uso da terra no Brasil http://www.processamentodigital.com.br/2018/06/01/plataforma-online-mapeia-uso-da-terra-no-brasil/

– CANAL RURAL – Debate no FÓRUM FARM SHOW – com o Jornalista Márcio Fernandez
Tema: O papel do Agricultor na Preservação do Cerrado

-Neomundo – Artigo: O DESAFIO DO MONITORAMENTO DA GOVERNANÇA DAS ÁGUAS: A CONSTRUÇÃO DO OBSERVATÓRIO DA GOVERNANÇA DA ÁGUA
http://www.neomondo.org.br/2018/05/17/artigo-oga-o-desafio-do-monitoramento-da-governanca-das-aguas-a-construcao-do-observatorio-da-governanca-da-agua-oga-brasil/

BIBLIOGRAFIA DA POSTAGEM CAPITAL NATURAL É CAPITAL FINANCEIRO FUTURO:
https://www.linkedin.com/pulse/capital-natural-%C3%A9-investimento-para-financeiro-futuro-elaine-da-silva/

Youtube-Programa Bom Dia SENAR Mato Grosso – Reflorestamento para recuperação de áreas degradadas
-Acesse:

MMA – Programa Plantadores de Rios
Aplicativo ajuda população a preservar nascentes de rios – Governo do Brasil
-Acesse: http://www.mma.gov.br/index.php/comunicacao/agencia-informma?view=blog&id=2370

Youtube-Metodologia para Restauração Florestal em situações SEM potencial de Regeneração Natural
https://www.linkedin.com/feed/update/urn:li:activity:6383812543110008832/
-Acesse:
https://www.youtube.com/watch?v=Z2tqWyYsrBU

Youtube-Produtor investe em projeto de recuperação de nascentes no Triângulo Mineiro
-Acesse: https://www.youtube.com/watch?v=MSUg5r7bRTM

Youtube-Produtores do RS ganham prêmio por preservar solo e água
-Acesse: https://www.youtube.com/watch?v=eUiQoWn5uss

EMBRAPA-Visão 2030 o Futuro da Agricultura Brasileira
-Acesse: https://www.embrapa.br/visao/o-futuro-da-agricultura-brasileira

Boletim de Extensão – Restauração Florestal – Prof. Dr. Sebastião Venâncio Martins – UFV – MG – Acesse: http://www.pec.ufv.br/?page_id=263

Prof. Dr. Fernando Tangerino – UNESP-SP – Hidráulica e Irrigação
–Acesse: https://irrigacao.blogspot.com.br/2018/05/servico-de-assessoramento-ao-irrigante.html;http://tvterraviva.band.uol.com.br/videos/ultimos-videos/16438138/confira-o-primeiro-bloco-do-terraviva-sustentavel-deste-sabado-(05).html

Prof. Dr. Marcos Milan – ESALQ USP – Departamento de Engenharia e Biossistemas
-Acesse: http://www.leb.esalq.usp.br/

Marco Lorenzzo Cunali Ripoli – ILPF, já ouviu falar? e ILPF+H? – Gestão Executiva Desenvolvimento do Agronegócio
https://www.linkedin.com/pulse/ilpf-j%C3%A1-ouviu-falar-e-ilpfh-marco-lorenzzo-cunali-ripoli-ph-d-/

Plataforma Projeto Biomas – EMBRAPA/MMA

Espécies:
https://www.webambiente.gov.br/publico/especies.xhtml;jsessionid=XYx7LhWQyvUA3YErMdYjPEFvrrPzl1-mSwo6skcw.virt0041

Técnicas:
https://www.webambiente.gov.br/publico/tecnicas.xhtml;jsessionid=XYx7LhWQyvUA3YErMdYjPEFvrrPzl1-mSwo6skcw.virt0041

Simulador:
https://www.webambiente.gov.br/publico/simulador_descricao.xhtml;jsessionid=XYx7LhWQyvUA3YErMdYjPEFvrrPzl1-mSwo6skcw.virt0041

SAES ADVOGADOS – FLORESTAL
http://www.saesadvogados.com.br/category/florestal/


Artigo escrito por Elaine da Silva – Técnico Ambiental
Graduada em Economia (Ambiental)-Faculdade São Luís
LinkedIN

Views All Time
Views All Time
631
Views Today
Views Today
1