Pimpex une arte e sustentabilidade

Pimpex une arte e sustentabilidade

Imagem: Fundação Banco do Brasil | Divulgação Pimp my Carroça

Iniciativa transforma carroças de atores sociais da reciclagem em obras de arte que colorem as cidades

Tintas, spray, disposição e criatividade são alguns elementos que compõem o Pimp My Carroça, um movimento que atua desde 2012 para tirar os catadores de materiais recicláveis da invisibilidade – ter reconhecimento e remuneração justa – por meio da arte, sensibilização, tecnologia e participação coletiva.

Com objetivo de multiplicar as ações do Pimp My Carroça pelo Brasil e também fora do país, nasceu a Tecnologia Social “Pimpex”.

Sua metodologia é simples: qualquer pessoa seguindo os oitos passos consegue realizar o atendimento a um catador.

O “pimpador” (um voluntário) realiza a reforma da carroça instrumento de trabalho (funilaria, eixo e pneus), entrega o kit de segurança (camiseta e calça com faixa refletiva, boné, lâmpada solar, retrovisores, freios, colete, máscara e álcool gel), faz o cadastro no aplicativo Cataki – para aumentar sua renda – e realizar atendimentos, conforme necessidade de cada catador. Ao final, um artista voluntário transforma a carroça numa obra de arte.

 “É a forma que encontramos para que qualquer pessoa da sociedade civil possa colaborar – de maneira direta e simples –  na melhoria da qualidade de vida de um profissional da reciclagem”, explica João Bourroul, coordenador de comunicação da ONG Pimp My Carroça.

A iniciativa não cessou durante o período de pandemia e o auxílio aos atores sociais da reciclagem continuou, as etapas do programa foram adaptadas reduzindo os encontros presenciais entre as partes envolvidas. Se antes tudo acontecia em um único evento, hoje a carroça passa pelo serralheiro em um dia, os artistas fazem a pintura das placas em suas próprias casas, o “pimpador” pinta a carroça e instala as placas que recebeu, e só depois realiza a entrega para o catador

Imagem: Fundação Banco do Brasil | Divulgação Pimp my Carroça

Em 2019, a iniciativa recebeu certificação no Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social. Até o momento atendeu 424 catadores, e contou com o auxílio de 201 voluntários e 158 artistas.

“O impacto do Pimpex é altamente positivo. Catadores passaram a ser parados para tirarem fotos com os transeuntes. Além do valor simbólico que isso representa na autoestima de qualquer trabalhador, muitas vezes ele passa a contar com mais clientes fixos uma vez que seu instrumento de trabalho fica literalmente mais visível. Uma carroça nova/reformada representa menos riscos para saúde e segurança do profissional da reciclagem”, ressalta João.

Reconhecimento

Em 2020, o Pimp My Carroça foi finalista no 16º Empreendedor Social do Ano em Resposta à Covid-19, prêmio realizado pela Folha de São Paulo, com a campanha “Renda mínima para os catadores na pandemia”, mobilização que garante renda e inclusão aos agentes da reciclagem durante a crise.

Faltam 15 dias!

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2021. As instituições interessadas têm até o dia 28 de maio de  2021 para se cadastrar, exclusivamente pelo site transforma.fbb.org.br/premios. Os resultados de cada etapa do Prêmio – certificadas e finalistas – serão divulgados no portal de notícias da Fundação BB e na Plataforma Transforma! Podem participar entidades sem fins lucrativos, como instituições de ensino e de pesquisa, fundações, cooperativas, organizações da sociedade civil e órgãos governamentais de direito público ou privado, legalmente constituídas no Brasil.

Para tornar o processo de participação mais acessível, os interessados podem conferir no video tutorial com todo o passo a passo para inscrever novas iniciativas:

Sobre a Fundação Banco do Brasil

Em 35 anos de atuação, a Fundação Banco do Brasil investe em projetos estruturados de Educação para o Futuro, Meio Ambiente e Renda, Ajuda Humanitária, Voluntariado e Tecnologia Social. A Fundação BB fomenta e multiplica soluções para a transformação socioambiental do país por meio das melhores práticas de governança e integridade e da mobilização de recursos de novas parcerias com investidores sociais. De 2010 a 2020 foram destinados mais de R$ 3,1 bilhões em recursos, aplicados em mais de 6 mil projetos, programas e ações com a participação de 5,6 milhões de pessoas em cerca de 2,2 mil municípios brasileiros.

Crédito:
Imprensa | Fundação Banco do Brasil

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 1332 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS é um canal que promove o meio ambiente, através da promoção de tecnologias ambientais e inovações, produtos e serviços de sustentabilidade, nacionais e internacionais.