OPINIÃO DE ESPECIALISTA: 5 vantagens da motocicleta elétrica no dia a dia

Leoparda Electric é uma startup que oferece ao mercado latinoamericano um novo conceito de motocicletas e baterias elétricas.
Leoparda Electric é uma startup que oferece ao mercado latinoamericano um novo conceito de motocicletas e baterias elétricas.

Imagem: Divulgação | Por Billy Blaustein, co-fundador da Leoparda Electric

Outubro de 2022 – As futuras gerações estão ameaçadas pela enorme quantidade de gases lançados na atmosfera e precisamos cada vez mais adotar hábitos e medidas que revertam esse cenário. 

No que diz respeito à mobilidade, por exemplo, deveríamos utilizar veículos menores que requerem menos energia para nos movermos, o que significa mais uso de bicicletas, motocicletas e carros pequenos.

Um hábito que retrata bem esse cenário é a utilização de motocicletas elétricas.

A América Latina já é muito adepta a andar de moto, já que um relatório publicado pela McKinsey & Company aponta que são 50 milhões de motocicletas nas ruas do continente, sendo que o Brasil concentra boa parte desse montante. No entanto, menos de 1% delas são elétricas, o que deixa o território muito atrás da Ásia e da Europa no quesito da neutralização do carbono decorrente de veículos.

Com isso, enumero abaixo 5 vantagens da motocicleta elétrica no dia a dia e a importância de considerarmos cada vez mais o seu uso em nossa sociedade:

  1. Não polui o ar

As motocicletas movidas à gasolina não possuem conversores catalíticos e, portanto, lançam 15 vezes mais hidrocarbonetos no meio ambiente do que os automóveis, o que significa mais poluição. Justamente por utilizar a energia elétrica como fonte de energia, não há queima de combustíveis fósseis em uma motocicleta elétrica, que sequer possui um escapamento. Além disso, o Brasil tem uma das redes elétricas mais renováveis do mundo, com 85% de nossa energia proveniente de fontes sustentáveis vs. 30% energia sustentável em média dos outros países.

  1. Economia com combustível

A recarga completa de bateria em uma motocicleta é muito mais barata do que o abastecimento com gasolina, ainda mais se levarmos em conta as constantes mudanças de preço no combustível nos últimos anos. Para se ter uma ideia, é uma proporção de 10:1 em relação ao mesmo número de quilômetros percorridos.

  1. Silêncio

Outro problema dos grandes centros urbanos é a poluição sonora causada majoritariamente pelo escapamento e motores dos veículos. Com a motocicleta elétrica, isso não acontece, pois a ausência da queima de combustível e do sistema de escape faz com que o veículo seja quase 100% silencioso. 

  1. Manutenção mais em conta

Um veículo elétrico tem menos componentes do que um a combustão. Dessa maneira, a manutenção acaba sendo mais simples e, por consequência disso, mais barata já que os modelos movidos a energia elétrica não possuem componentes como óleo, filtro de ar, correias dentadas e velas de ignição, itens que encarecem a revisão. Os usuários de veículos elétricos relatam regularmente uma economia de manutenção superior a 40%.

  1. IPVA mais barato (ou até gratuito dependendo do estado)

Os governos querem acelerar a adoção de veículos elétricos. Para quem possui um carro ou moto, sabe que todo ano tem que pagar pelo Imposto Sobre Propriedade de Veículo Automotor (IPVA), cujos valores são bem elevados. Porém, a coisa muda de figura para quem possui veículos elétricos

Estados como Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Sergipe, Pernambuco, Piauí, Maranhão e Ceará dão isenção total do imposto a quem tem veículos nesta categoria. Já quem mora em Mato Grosso do Sul, São Paulo e Rio De Janeiro tem uma alíquota diferenciada e mais em conta.

Sobre o autor Billy Blaustein

Cofundador e COO da Leoparda Electric, Billy é um executivo com cinco anos de experiência como General Manager na Tesla, onde liderou grandes equipes em operações nos Estados Unidos e na Europa, e a rede de Postos de Recarga chamado “SuperChargers”. Anteriormente, foi responsável pelo lançamento do Uber tanto no Brasil quanto no México e foi consultor do Boston Consulting Group nos mesmos países.

Sobre a Leoparda Electric

Com a missão de reduzir as emissões de carbono na América Latina e tornar a mobilidade mais acessível, a Leoparda Electric é uma startup que oferece ao mercado latinoamericano um novo conceito de motocicletas e baterias elétricas. O modelo de negócios da companhia consiste em ajudar a disseminar o uso de motocicletas elétricas através da criação de uma rede de pontos de troca, onde os usuários poderão substituir suas baterias descarregadas por uma nova, totalmente carregada, em poucos minutos, a um baixo custo de assinatura mensal.

LinkedIn: https://br.linkedin.com/company/leoparda-electric

Informamos que os conteúdos publicados para seção Opinião de Especialistas AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS são independentes e de responsabilidade dos autores, não refletindo, necessariamente, na opinião editorial do nosso canal.

Crédito:
Imprensa | Leoparda Electric

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 3144 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS é um canal exclusivo sobre ESG e Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos e Reciclagem, Saneamento, Energias Renováveis (Solar Eólica, Biogás e muito mais). Tudo sobre meio ambiente e tecnologias ambientais, cursos e eventos!