Edital divulga fotografias e projetos de reportagem vencedores sobre o oceano

softelec

Imagem: Maternidade, de Anderson Langeloh Roos

  • Iniciativa da Fundação Grupo Boticário, em parceria com a Comissão Oceanográfica Intergovernamental da Unesco, recebeu mais de 220 trabalhos de todo o Brasil.
  • O objetivo é incentivar a produção de conteúdo fotográfico e jornalístico de qualidade para sensibilizar a sociedade sobre a importância do oceano.
Publicidade
Publicidade
CITER 2024 Piauí

Julho de 2022 – A Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza divulgou em 05/06 as cinco propostas de reportagem e os 15 trabalhos fotográficos vencedores da segunda edição do Edital Conexão Oceano de Comunicação Ambiental.

Os projetos jornalísticos retratam a relação do oceano com as mudanças climáticas e a resiliência costeira e receberão bolsas de R$ 8 mil cada como incentivo à produção de conteúdos qualificados sobre o ambiente costeiro-marinho.

As fotografias premiadas retratam paisagens costeiras, atividades relacionadas com o mar, a vida marinha e o protagonismo feminino.

Os trabalhos fotográficos vencedores receberão prêmios entre R$ 1 mil e R$ 3 mil. O Edital é uma parceria com a Comissão Oceanográfica Intergovernamental da Unesco e está relacionado com a Década da Ciência Oceânica para o Desenvolvimento Sustentável.

“Acreditamos que a comunicação tem um papel de grande importância no processo de engajamento da sociedade. Neste ano, além do apoio aos projetos jornalísticos, também premiamos fotografias que retratam o oceano e a relação das pessoas com ele”, afirma o gerente sênior de Engajamento e Relações Institucionais da Fundação Grupo Boticário, Omar Rodrigues. “Em relação às propostas de reportagem, esperamos que elas aproximem a sociedade do tema e sensibilizem a população para a necessidade de proteção e uso sustentável do oceano diante do contexto das mudanças climáticas“, completa.

Foram inscritas no Edital 29 propostas de jornalistas de todas as regiões do Brasil, direcionados a diferentes plataformas – revistas, jornais, rádios, portais, TVs, documentários e podcasts. O Comitê Avaliador, composto por 11 profissionais das áreas de comunicação e relacionadas com a temática, analisou critérios como criatividade e originalidade; relevância para a sociedade; consistência do plano de apuração e portfólio e currículo do candidato.

Confira os selecionados:

  • Aldem Bourscheit Cezarino, para ((o))eco
  • Carolina Maria Cardoso Aires Lisboa, para ((o))eco
  • Herton Abacherli Escobar, para Jornal da USP
  • Jennifer Ann Thomas, para Nosso Impacto
  • Luan Diego Vosnhak, para Grupo ND / Record TV Florianópolis

Fotografia

Já a categoria Fotografia recebeu a inscrição de 195 trabalhos de 16 estados brasileiros, representando todas as regiões do país. Os trabalhos foram avaliados por um comitê formado por 24 profissionais, entre fotógrafos e especialistas em oceano.

Foram considerados critérios como criatividade, composição, potencial de sensibilização, técnica e relevância do registro. Além dos premiados em cada uma das quatro categorias, 15 trabalhos disputaram o voto popular, que reuniu 2.460 votos entre os dias 6 e 17 de junho.

Conheça os trabalhos vencedores:

Categoria “Atividade Relacionada com o Mar”:

1º Horizonte Vermelho, de Daniel Simão Prates
2º Da terra, voo de braços abertos para o mar, de Marcelo Visentini Kitahara
3º Natação em águas abertas, de Carlo Leopoldo Bezerra Francini

Categoria “Paisagem”

1º Encontro das águas, de Vitor Jubini Venturin
2º Trabalho do início da manhã, de Sidney Bondarovsky
3º A onda do avesso, de Marcelo Visentini Kitahara

Categoria “Protagonismo Feminino”

1º Guardiã do Atol, de João Marcos Rosa Barbosa de Souza
2º Defensora dos corais, de Jonne Roriz
3º Cada filhote faz a diferença, de Camila Miguel

Categoria “Vida Marinha”

1º Aconchego, de Denise Greco
2º Planeta Azul, de Jonne Roriz
3º Maternidade, de Anderson Langeloh Roos

Categoria Voto Popular (2.460 votos)

1º Vem do mar, de Luciana Rocha Moreira Lima – 281 votos (11,4%)
2º Salva vida hasteando a bandeira, de Dylan Pieczarka Pederneiras – 270 votos (10,9%)
3º Útero, de Maíra Kellermann Santos – 257 (10,4%)

Sobre a Fundação Grupo Boticário

Com 31 anos de história, a Fundação Grupo Boticário é uma das principais fundações empresariais do Brasil que atuam para proteger a natureza brasileira. A instituição atua para que a conservação da biodiversidade seja priorizada nos negócios e em políticas públicas e apoia ações que aproximem diferentes atores e mecanismos em busca de soluções para os principais desafios ambientais, sociais e econômicos. Já apoiou cerca de 1.600 iniciativas em todos os biomas no país. Protege duas áreas de Mata Atlântica e Cerrado – os biomas mais ameaçados do Brasil –, somando 11 mil hectares, o equivalente a 70 Parques do Ibirapuera. Com mais de 1,2 milhão de seguidores nas redes sociais, busca também aproximar a natureza do cotidiano das pessoas.

A Fundação é fruto da inspiração de Miguel Krigsner, fundador de O Boticário e atual presidente do Conselho de Administração do Grupo Boticário. A instituição foi criada em 1990, dois anos antes da Rio-92 ou Cúpula da Terra, evento que foi um marco para a conservação ambiental mundial.

Site oficial: https://www.fundacaogrupoboticario.org.br/

Crédito:
Imprensa | Fundação Grupo Boticário

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 5207 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL é sobre ESG, Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos, Reciclagem, Saneamento, Energias e muito mais!