Dia Nacional do Cerrado: Fundação Florestal anuncia semana com programação especial

softelec

Imagem: Divulgação

Publicidade
Publicidade
CITER 2024 Piauí

Setembro de 2023 – Para celebrar o Dia Nacional do Cerrado, comemorado em 11 de setembro, a Fundação Florestal preparou uma semana recheada de eventos, reafirmando seu compromisso em proteger e preservar este bioma tão importante. As cerimônias acontecerão em formatos presencial e online, todas as atividades são gratuitas e abertas ao público em geral. Na programação, uma série de palestras e atividades educativas que destacam a importância do Cerrado e os desafios enfrentados para sua conservação.

O Auditório Francisco Thomaz Van Acker, na sede da Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística, será palco, no dia 11, de discussões sobre os desafios para o manejo e conservação de fisionomias abertas do Cerrado, restauração ecológica, além de produção agrícola e familiar neste bioma. Além disso, ao longo de todo o dia, os produtos orgânicos do Sítio Vale Verde de Botucatu estarão disponíveis para compra na Associação dos Funcionários da Cetesb (Rua Nicolau Gagliardi, 451 – Pinheiros).

Já no dia 13 de setembro, no canal do YouTube da Fundação Florestal, estarão em debate as técnicas de monitoramento de mamíferos de médio e grande portes das Unidades de Conservação do Cerrado Paulista e os desafios para a conservação da fauna.

No dia 14, na Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Assis, haverá uma Audiência Pública do Conselho Estadual do Meio Ambiente (Consema) sobre a ampliação da Floresta Estadual e da Estação Ecológica de Assis, que corresponde a 10% de áreas de Cerrado protegidas em Unidades de Conservação (e a única na região) de São Paulo. A audiência será aberta a todos os interessados.

E, para fechar, a semana, no dia 16 de setembro, o Parque Estadual Juquery, receberá o circuito de bicicleta pela Trilha Mirim (1,3km) com inauguração do quiosque de apoio ao visitante, em meio à única área remanescente de Cerrado na Grande São Paulo. A programação na íntegra pode ser conferida abaixo.

O Cerrado é o segundo maior bioma da América do Sul e do Brasil, atrás apenas da Amazônia. Ocupa cerca de 20% do território brasileiro, espalhando-se pelos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Goiás, Roraima, Rondônia, Amapá, Amazonas, Pará, Minas Gerais, Piauí, Bahia, Ceará, Maranhão, São Paulo e Paraná.

No Estado de SP, são mais de 40 Unidades de Conservação e Produção com remanescentes de Cerrado, administradas pela Fundação Florestal, como a Área de Proteção Ambiental Corumbataí, Botucatu e Tejupá; Estações Ecológicas de Itirapina, Angatuba e Santa Bárbara; Estações Experimentais de Mogi-Mirim e São Simão; Florestas Estaduais de Assis e Pederneiras; além dos Parques Estaduais Juquery, Furnas do Bom Jesus, Vassununga e Porto Ferreira.

Para conferir a íntegras da Unidades de Conservação e reservar a visita para ver esse bioma tão rico de perto, acesse: https://guiadeareasprotegidas.sp.gov.br

O Cerrado

Geograficamente, são mais de dois milhões de quilômetros quadrados, abrigando mais de 800 espécies de aves, 160 de mamíferos, 150 de anfíbios, 100 de répteis. Estão presentes também cerca de 13 mil espécies de plantas. O bioma é considerado a savana mais rica do mundo em biodiversidade.

Além de toda essa biodiversidade, o Cerrado é também o berço das águas do Brasil. Cerca de 20% das nascentes brasileiras encontram-se nesse bioma. O Cerrado contribui com a produção hídrica de 12 regiões hidrográficas. Suas águas são responsáveis pela maior parte da geração de energia elétrica consumida no país.

Contudo, ele é considerado também uma das áreas mais desprotegidas e devastadas do Brasil. Estima-se que 50% da área do Cerrado tenham sido destruídas, colocando em risco muito de nossa flora e fauna, além da produção de água em, consequentemente, o abastecimento hídrico brasileiro. Espécies conhecidas como lobo-guará, tamanduá-bandeira, jaguatirica correm risco de extinção ao lado de outras menos conhecidas como quenquém e aranha-de-teia-de-solo, endêmicas da região.

Serviço – Dia Nacional do Cerrado

Data: 11 de setembro (segunda-feira)

Local: Auditório Francisco Thomaz Van Acker, na sede da Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística (Av. Professor Frederico Hermann Junior, 345 – Alto de Pinheiros)

  • 13h30: Abertura – Jônatas Trindade, subsecretário de Meio Ambiente da Semil, e Rodrigo Levkovicz, diretor executivo da Fundação Florestal.
  • 14h: “Desafios para o manejo e conservação de fisionomias abertas do Cerrado” – Natashi Pilon (Unicamp).
  • 14h30: “Restauração Ecológica no Cerrado” – Lucas Sanglade (UFSCar)
  • 15h: “Produção Agrícola e Familiar no Cerrado Paulista” – Sítio Vale Verde Orgânicos

Adicionalmente, ao longo do dia 11 de setembro, produtos orgânicos do Sítio Vale Verde de Botucatu estarão disponíveis para compra na Associação dos Funcionários da Cetesb (Rua Nicolau Gagliardi, 451 – Pinheiros)

Data: 13 de setembro (quarta-feira)

Local:Transmissão no YouTube da Fundação Floresta

  • 14h: “O monitoramento de mamíferos de médio e grande portes das Unidades de Conservação do Cerrado Paulista” – Andréa Soares (MonitoraBioSP)
  • 14h45: “A Fauna do Cerrado: desafios para a conservação” – Carolinne Zatta Fieker (IEESC)

Data: 14 de setembro (quinta-feira)

Local: Unesp (Av. Dom Antônio, 2100 – Parque Universitário, Assis – SP, 19806-900)

  • 17h: Audiência Pública do Consema para apresentação sobre o tema da ampliação da Floresta Estadual e Estação Ecológica de Assis. Aberta a todos os interessados.

Data: 16 de setembro (sábado)

Local: Parque Estadual Juquery

  • 10h: Circuito de bike pela Trilha Mirim (1,3km) com inauguração do quiosque de apoio ao visitante, em meio à única área remanescente de Cerrado na Grande São Paulo.

Imprensa

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 5104 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL é sobre ESG, Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos, Reciclagem, Saneamento, Energias e muito mais!