Voz dos Oceanos, da Família Schurmann, já coletou mais de 100 ostras e mexilhões para pesquisa de microplásticos da USP no litoral brasileiro

softelec
Equipe do Voz dos Ocenanos em campo — Foto: Divulgação

Imagem: Divulgação | Expedição inédita e terrestre tem a missão conscientizar a sociedade sobre os perigos da poluição plástica nos oceanos

Publicidade
Publicidade
CITER 2024 Piauí

Junho de 2024 – Liderada pela Família Schurmann, que celebra 40 anos de aventuras pelo mundo, a expedição da Voz dos Oceanos está percorrendo a costa brasileira numa expedição inédita e terrestre, guiada por uma pesquisa científica em parceria com a Universidade de São Paulo (USP). Até agora, nas passagens pelo litoral de Santa Catarina, Paraná e São Paulo, a tripulação já coletou mais de 100 ostras e mexilhões para serem enviados aos laboratórios da Universidade de São Paulo (USP) para análise e diagnóstico a presença de microplásticos em organismos marinhos na costa do país.

O estudo, também inédito, é coordenado pelo Prof. Dr. Alexander Turra.

Pouca gente sabe que, ao consumir ostras, vieiras e mexilhões, entre outros organismos marinhos chamados de bivalves (formados por uma concha de duas partes, as valvas), também está consumindo microplásticos que poluem os oceanos. Isso porque estes organismos são “filtradores” destes poluentes, que acabam consumidos pela população por meio da ingestão destes alimentos.

Iniciada em Santa Catarina, no dia 11 de maio, a expedição foi até o Rio de Janeiro para um trabalho de campo em nome da Ciência e da preservação dos mares. No dia 31 de maio, na Pedra do Arpoador, Rio de Janeiro, Heloisa Schurmann e as tripulantes da Voz dos Oceanos realizaram uma roda de conversa com outras mulheres também atuantes na defesa dos oceanos.

Durante 70 dias, a expedição científica da Voz dos Oceanos, composta por cinco mulheres, percorre cerca de 20 cidades litorâneas até chegar ao Pará.

Segundo Heloisa Schurmann, uma das líderes da Voz dos Oceanos:

“Por mar ou por terra seguiremos adiante no propósito e na missão de conscientizar a sociedade sobre a urgência de fazer o descarte correto de resíduos e reciclar, para impedir que a poluição plástica invada ainda mais nossos oceanos”.

A expedição já passou por Itajaí (SC), Paranaguá (PR), Ilha do Mel (PR), Santos (SP), Alcatrazes, em São Sebastião (SP). No Rio, além da capital fluminense, Angra dos Reis também será destino da tripulação.

Uma Voz de grande impacto e alcance mundial

Voz dos Oceanos inclui uma expedição marítima com o apoio mundial do Programa da ONU para o Meio Ambiente – PNUMA, que já navegou por quase toda a costa brasileira (de Santa Catarina ao Pará, incluindo uma jornada pelos rios da região amazônica), a região do Caribe, grande parte do litoral leste dos Estados Unidos, México, Canal do Panamá, Polinésia Francesa até chegar na Nova Zelândia, concluindo a primeira etapa da missão.

Em pouco mais de dois anos, a iniciativa testemunhou a presença de plástico e micro plástico em cerca de 100 destinos de mais de 10 países das Américas Sul, Central e Norte e da Oceania.

Paralelamente, também encontrou em todos os locais por onde passou até o momento, centenas de pessoas e iniciativas comprometidas em reverter a preocupante e grave invasão de resíduos, que sufocam os Oceanos, responsáveis por mais de 50% do oxigênio do planeta.

Durante essa primeira etapa, Voz dos Oceanos impactou, por exemplo, mais de 62 milhões de pessoas via Instagram, mas de 48 milhões de espectadores por mês via produções veiculadas pela Globo e mais de 45 milhões de participantes de palestras e lives no Brasil e nos Estados Unidos. Entre as ações realizadas, supera a marca de 30 limpezas de praias ao redor do mundo, ultrapassando 40 toneladas de resíduos retirados das areias.

Site oficial: https://voiceoftheoceans.com

Imprensa

Temas Relacionados

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 5203 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL é sobre ESG, Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos, Reciclagem, Saneamento, Energias e muito mais!