Governo de SP entrega Estação de Tratamento de Esgotos de Cordeirópolis

Unidade beneficiará cerca de 23,7 mil habitantes da Bacia do rio Piracicaba com água de qualidade.

O Governo do Estado de São Paulo entregou a Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) de Cordeirópolis, no sábado (13). A obra foi executada pelo DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica), órgão ligado à Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, por meio do Programa Água Limpa e teve um investimento de R$ 20,9 milhões.

Atendendo as medidas de segurança em virtude da pandemia de COVID-19, a cerimônia nas instalações da nova ETE manteve as regras de distanciamento social e o secretário da SIMA, Marcos Penido, além do superintendente do DAEE, Francisco Eduardo Loducca, se pronunciaram por meio de vídeo.

“Neste momento de pandemia, cada vez mais valorizamos a saúde e a qualidade de vida da população. É com muito prazer que o Governo de São Paulo entrega essa importante obra para que Cordeirópolis seja um município 300%: 100% água tratada, 100% esgoto coletado e 100% esgoto tratado”, disse Penido.

O Superintendente do DAEE parabenizou a cidade pelo início das operações da nova ETE.

“É um orgulho para o DAEE entregar uma obra do Programa Água Limpa para um município tão importante para o estado”, acrescentou Loducca.

A inauguração foi marcada pelas festividades em comemoração ao 72° aniversário de Cordeirópolis e na ocasião o prefeito da cidade, Odinan Ortolan, lembrou da importância dos esforços do Governo do Estado, DAEE e município para a execução da ETE.

“Recebemos hoje uma obra histórica, que fortalecerá nosso compromisso com o saneamento básico e sustentabilidade com o meio ambiente. Nossas nascentes, munícipes, rios e todo ecossistema agradecem pelos esforços de todos. Em nosso aniversário, comemorado hoje, dia 13 de junho, não existiria presente melhor”, afirmou Ortotan.

A ETE de Cordeirópolis tem capacidade para tratar o esgoto de 100% do município beneficiando mais de 23,7 mil moradores (população prevista para 2030). A Estação permite a revitalização do ribeirão Tatu, da bacia do rio Piracicaba, com a remoção de aproximadamente 43 toneladas/mês de carga orgânica proveniente do esgoto doméstico lançado “in natura”. A ETE tem também um importante papel como agente de prevenção na saúde, reduzindo o risco de disseminação de doenças hídricas.

Sobre a Estação de Tratamento

Localizada na Estrada Bairro Baririzinho, número 30, a ETE de Cordeirópolis é uma estação tipo modelo UASB-Misto de Fluxo Ascendente com Reator Anaeróbio, decantadores de lodo ativado, centrífugas, sistema de remoção de gás sulfídrico (biogás), geradores de energia. Este processo de tratamento, além de apresentar baixo custo de implantação e operação, ocupa pequena área para ser implantado e apresenta uma grande simplicidade operacional, baixa produção de lodo e eficiência compatível com a legislação ambiental.

O conjunto inclui também 5,4 mil metros de coletor tronco por gravidade, estação elevatória e 38 metros emissário final.

Sobre o Água Limpa

O Programa Água Limpa foi criado em 2005, por meio de uma ação conjunta da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos, DAEE e Secretaria da Saúde, com objetivo de implantar sistemas de tratamento de esgotos em municípios com até 50 mil habitantes não atendidos pela SABESP.

O programa Água Limpa já investiu R$ 607 milhões na construção de 128 ETEs em 121 municípios, beneficiando mais de 2,8 milhões de habitantes, e retirando aproximadamente 3,6 mil toneladas por mês de carga orgânica dos rios paulistas. Atualmente, o Governo do Estado está investindo mais R$ 21,4 milhões na construção de ETEs em 2 municípios – São Joaquim da Barra e Presidente Venceslau, que vão tratar os esgotos de mais de 96 mil habitantes.

Crédito: Portal São Paulo

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 1333 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS é um canal que promove o meio ambiente, através da promoção de tecnologias ambientais e inovações, produtos e serviços de sustentabilidade, nacionais e internacionais.