OPINIÃO DE ESPECIALISTA: O futuro dos financiamentos automotivos – um panorama sobre as tecnologias emergentes

softelec
Foto: Paulo Noman, GM Financial
Foto: Paulo Noman, GM Financial

Imagem: Divulgação | Paulo Noman é presidente da GM Financial no Brasil

PRÊMIO INTERNACIONAL 2023

PRÊMIO INTERNACIONAL 2023

Ambiental Mercantil recebe prêmio de sustentabilidade ambiental 2023 pela renomada Build Magazine da Inglaterra

Fevereiro de 2024 – A indústria automobilística está passando por uma transformação intensa. A era dos carros a gasolina e diesel está gradualmente cedendo espaço para uma nova geração de veículos: elétricos, autônomos, conectados e com outros avanços tecnológicos que prometem revolucionar as formas pelas quais nos deslocamos.

À medida que esse futuro se revela diante de nossos olhos, é vital repensarmos o financiamento como facilitador do acesso a essas inovações. Não se trata apenas de emprestar dinheiro para a compra de carros; é sobre construir as bases para uma nova era de mobilidade.

Carros elétricos: a disrupção da mobilidade sustentável

Carros elétricos não são mais uma mera promessa; são uma realidade tangível nas ruas de muitas cidades. Eles oferecem uma alternativa limpa e eficiente aos veículos a combustão, contribuindo para a redução das emissões de carbono, já que não emitem poluentes. No entanto, o investimento inicial pode ser um obstáculo para muitos consumidores. A popularização da solução deve estar aliada à ampliação das opções de financiamento específicas para veículos elétricos, considerando variados perfis e, consequentemente, tornando mais fácil para os consumidores fazerem a transição para uma mobilidade sustentável.

Seguro automotivo no século XXI: A revolução tecnológica não se limita apenas aos veículos, mas também afeta o setor de seguros automotivos.

Algumas das tecnologias-chave envolvidas incluem:

  • Sistemas embarcados: especializados em funções específicas e integrados diretamente nos equipamentos, desempenham um papel crucial na coleta de dados em tempo real sobre a ação do veículo. Essa ferramenta, capaz de fornecer uma visão detalhada das atividades, é valiosa para as seguradoras ao permitir uma avaliação mais precisa do risco e a personalização eficiente das políticas de seguro.
  • Telemetria: envolve a percepção e registro de informações como velocidade, aceleração e frenagem. Juntamente aos sistemas de rastreamento de veículos, possibilita uma análise mais detalhada do comportamento do motorista. A condução segura pode ser recompensada por meio da consideração de desempenho real na estrada, refletindo-se em taxas de seguro mais vantajosas para os condutores que adotam práticas defensivas.
  • Internet das Coisas (IoT): representada por dispositivos conectados à internet, como sensores integrados aos veículos, possibilita a avaliação do comportamento do motorista e as condições do veículo. Esses dispositivos oferecem informações em tempo real sobre o estado do automóvel, condições de condução e até mesmo sobre o ambiente ao redor, contribuindo significativamente para uma avaliação mais precisa e abrangente do risco envolvido.

A colaboração entre operadoras para desenvolver políticas de seguro que se adaptem a veículos elétricos, autônomos e outras tecnologias resulta em uma cobertura personalizada, que reflete a segurança intrínseca dessas inovações, reduzindo potencialmente os custos de seguro.

A conectividade na indústria automobilística

A conectividade aplicada a veículos automotores é uma área em crescimento, que envolve a integração de tecnologias de comunicação em veículos para melhorar a experiência do motorista, a segurança, a eficiência e a conveniência.

Aqui estão alguns aspectos e tendências relevantes:

  • Infotainment avançado: a conectividade permite que os motoristas acessem informações, entretenimento e serviços diretamente do veículo, o que inclui navegação assistida por GPS, streaming de música, acesso a aplicativos e até mesmo assistentes de voz;
  • Compartilhamento de dados em tempo real: os veículos conectados podem compartilhar dados instantaneamente com centrais de operação, outros veículos e infraestrutura de trânsito. O resultado é a melhoria na gestão do tráfego, a segurança rodoviária e até mesmo o alerta aos motoristas sobre condições adversas;
  • Atualizações de software Over-The-Air (OTA): os veículos conectados podem receber atualizações de software remotamente, permitindo que as montadoras corrijam problemas, aprimorem recursos e até mesmo adicionem novas funcionalidades sem a necessidade de uma visita à oficina;
  • Frotas conectadas: empresas que operam frotas de veículos podem aproveitar a conectividade para monitorar o desempenho dos veículos, otimizar rotas, programar manutenção e reduzir os custos operacionais;
  • Automação e carros autônomos: a conectividade é essencial na solução, ao gerar comunicação com outros veículos, infraestrutura e sistemas de controle central para operar com segurança e eficácia;
  • 5G: a próxima geração de redes 5G oferecerá velocidades de conexão ainda mais rápidas e latência ultrabaixa, permitindo uma comunicação mais ágil e confiável entre veículos e infraestrutura;
  • Sustentabilidade: a conectividade pode ser usada para otimizar a eficiência energética, coordenando a recarga de veículos elétricos durante os períodos de menor demanda e usando energia renovável.

Um futuro empolgante

O futuro dos financiamentos automotivos está diretamente ligado às tecnologias emergentes. Desbravar novos caminhos e estar na vanguarda das inovações é essencial para auxiliar no desenvolvimento e na democratização dos produtos, oferecendo opções de aquisição e proteção que se adaptam à rápida evolução da indústria automobilística.

O financiamento automotivo já não se trata apenas de viabilizar a aquisição de um carro; é sobre investir em um estilo de vida mais sustentável, seguro e eficiente. Estamos caminhando para um futuro empolgante, no qual a mobilidade será mais do que apenas transporte; será uma experiência totalmente nova e inspiradora.

Sobre o autor

Paulo Noman é o atual Managing Director Brazil at GM Financial. Formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), atua na área há 25 anos e, em sua trajetória, já trabalhou em empresas como Thomson Reuters e Banco SRL. Na General Motors, dedicou 10 anos de sua experiência ao departamento de tesouraria e, em 2013, após trilhar novos caminhos, retornou para a empresa como Tesoureiro Regional. LinkedIn.

Sobre a GM Financial

A GM Financial, subsidiária da General Motors sediada no Texas, é uma fornecedora global de soluções de financiamento automotivo, atendendo à América do Norte, América Latina e China. Oferecemos programas de empréstimos e leasing de varejo através de nossas relações com concessionárias, além de produtos de empréstimos comerciais para revendedores. Com mais de 9.000 funcionários, promovemos uma cultura de respeito, integridade, inovação e desenvolvimento pessoal, proporcionando um ambiente de trabalho colaborativo e celebrando o sucesso em equipe. Site oficial: https://www.gmfinancial.com/en-us/home.html

Imprensa

Informamos que os conteúdos publicados para seção Opinião de Especialistas AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS são independentes e de responsabilidade dos autores, não refletindo, necessariamente, na opinião do editorial do nosso canal.

Temas Relacionados

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 4814 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL é sobre ESG, Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos, Reciclagem, Saneamento, Energias e muito mais!