thyssenkrupp Uhde assina contrato com ArcelorMittal Brasil para fornecer nova planta de dessulfuração de gases rumo à produção de aço mais sustentável

softelec
A previsão é que o empreendimento seja concluído em cerca de 30 meses e, no pico das obras, deve empregar cerca de 400 profissionais, entre colaborares da thyssenkrupp e de empresas subcontratadas.
A previsão é que o empreendimento seja concluído em cerca de 30 meses e, no pico das obras, deve empregar cerca de 400 profissionais, entre colaborares da thyssenkrupp e de empresas subcontratadas.

Imagem: Divulgação

  • Empresa alemã vai instalar uma planta de dessulfuração de gás de coqueria em Serra (ES).
  • Sistema avançado de limpeza de gases industriais viabiliza utilização do gás como insumo energético de baixa emissão.
  • Projeto reforça parceria de longa data entre as duas companhias.
Publicidade
Publicidade
CITER 2024 Piauí

Dezembro de 2022 – A thyssenkrupp Uhde assinou contrato com a ArcelorMittal Brasil para fornecer uma planta de dessulfuração de gás de coqueria para a usina siderúrgica em Serra (ES). O projeto, que será executado em regime EPC (Engineering, Purchase, Construction) turnkey, prevê a instalação de um sistema avançado de limpeza de gases a partir de tecnologias proprietárias da thyssenkrupp, que permitirá à ArcelorMIttal reduzir as emissões da usina. Além disso, o acordo prevê a modernização da planta de tratamento de efluentes líquidos da área de coqueria.

“Subproduto da transformação do carvão em coque, o gás de coqueria é um dos principais insumos energéticos de uma siderurgia e é utilizado em vários processos que demandam energia. Com essa planta de dessulfuração que vamos instalar, a ArcelorMittal Tubarão poderá intensificar o uso desse gás e, ao mesmo tempo, reduzir suas emissões, tornando sua operação mais sustentável“, explica Luiz Antonio Mello, Head de Vendas da thyssenkrupp Uhde para a América do Sul.

Segundo Mello, como comparação, o gás de coqueria que pode ser produzido na ArcelorMittal Tubarão equivale a cerca de 480 MW de energia elétrica, o que corresponde ao consumo médio de mais de 2 milhões de residências.

“Ou seja, essa energia não pode ser desperdiçada, mas tem que ser utilizada de forma limpa”, acrescenta.

Como em qualquer projeto em planta já em operação (brownfield), requisitos específicos devem ser atendidos. A thyssenkrupp Uhde foi capaz de propor uma solução eficaz na qual equipamentos já existentes na planta de tratamento de gás são integrados como parte do novo processo CYCLASULF®, responsável pela dessulfuração do gás. O CYCLASULF® é uma solução avançada e já estabelecida para dessulfuração de gases, que remove o sulfeto de hidrogênio (H2S) e a amônia (NH3) do gás de coqueria de forma muito eficiente. O sulfeto de hidrogênio removido é recuperado na forma de enxofre elementar, produto capaz de ser vendido para uso na Indústria Química. Desta forma, o uso do gás de coqueria em outras áreas da usina, como o alto-forno e a laminação a quente, pode ser intensificado sem emissão do dióxido de enxofre (SO2) para a atmosfera.

A previsão é que o empreendimento seja concluído em cerca de 30 meses e, no pico das obras, deve empregar cerca de 400 profissionais, entre colaborares da thyssenkrupp e de empresas subcontratadas. A liderança do projeto está a cargo do time de engenharia e operações da thyssenkrupp Uhde Brasil e contará com as tecnologias e o fornecimento de equipamentos críticos por parte da matriz da empresa na Alemanha.

“A transição para uma economia com neutralidade nas emissões de gases de efeito estufa é uma jornada na qual precisamos avançar gradualmente, contudo, precisamos acelerar imediatamente. Com nossas tecnologias exclusivas e a sólida expertise de nossos times de engenharia no Brasil e na Alemanha, estamos apoiando fortemente o setor siderúrgico nessa transição. A nossa sólida relação com a ArcelorMittal Brasil é um excelente exemplo de como utilizar a melhor tecnologia disponível e o comprometimento com o meio ambiente e a redução de emissões”, declara Paulo Alvarenga, CEO da thyssenkrupp para a América do Sul.

Sobre a thyssenkrupp Uhde

A thyssenkrupp Uhde combina conhecimento tecnológico único e décadas de experiência global em engenharia, suprimentos, construção e serviços para plantas químicas. Desenvolvemos processos e produtos inovadores para um futuro sustentável e, assim, contribuir para o sucesso a longo prazo de nossos clientes em quase todas as áreas da indústria química. Nosso portfólio inclui tecnologias de ponta para a produção de produtos químicos básicos, fertilizantes e polímeros, bem como cadeias de valor completas para hidrogênio verde e produtos químicos sustentáveis.

Site oficial: https://www.thyssenkrupp-uhde.com/

Sobre a thyssenkrupp

A thyssenkrupp é um grupo internacional de empresas que compreende negócios industriais e de tecnologia amplamente independentes e emprega cerca de 96.000 pessoas. Em 48 países, gerou vendas de €41 bilhões no ano fiscal de 2021/2022. Suas atividades comerciais foram agrupadas em seis segmentos: Materials Services, Industrial Components, Automotive Technology, Steel Europe, Marine Systems, and Multi Tracks. Apoiados por amplo know-how tecnológico, os negócios desenvolvem soluções sustentáveis para os desafios do futuro. Cerca de 3.600 colaboradores trabalham em pesquisa e desenvolvimento em 75 localidades em todo o mundo, principalmente nas áreas de proteção climática, transição energética, transformação digital na indústria e mobilidade do futuro.

O grupo thyssenkrupp possui atualmente um portfólio de aproximadamente 17.370 patentes e modelos de utilidade. Sob a marca guarda-chuva thyssenkrupp, o grupo cria valor de longo prazo com produtos, tecnologias e serviços inovadores e ajuda a tornar a vida melhor para as gerações futuras. Para isso, a empresa persegue metas ambiciosas de proteção climática e otimiza sua própria eficiência energética e climática. Ao mesmo tempo, usa suas diversas habilidades ao longo das cadeias de valor relevantes para desempenhar um papel significativo na promoção da transformação verde de seus clientes.

Desenvolvendo negócios na América do Sul desde 1837, a thyssenkrupp emprega cerca de 3.700 colaboradores na região nos segmentos automotivo, energia, química e defesa naval. Na América do Sul, a empresa contabilizou durante o ano fiscal 2021/2022 um faturamento equivalente a R$ 5,2 bilhões.

Site oficial: https://www.thyssenkrupp-brazil.com/

Crédito:
Imprensa

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 5109 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL é sobre ESG, Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos, Reciclagem, Saneamento, Energias e muito mais!