OPINIÃO DE ESPECIALISTA | AMBIENTAL MERCANTIL

Nossa canal já conta com uma rede de colaboradores voluntários, que compartilham seus artigos técnicos, conhecimentos,  opiniões, infográficos, vídeos entre outros. 

Se você é um profissional especialista e escreve sobre temas atuais (técnicos ou jurídicos), relacionados aos setores ambientais abaixo e tem interesse em compartilhar seus conhecimentos técnicos de forma voluntária e colaborativa, submeta seu artigo.

  • Tecnologias ambientais e inovações
  • ESG: Ambiental, Social e Governança
  • Sustentabilidade Corporativa
  • Economia Circular
  • Moda Circular
  • Educação ambiental
  • Energias Renováveis
  • Energia Solar Fotovoltaica
  • Energia Eólica
  • Energia do Hidrogênio
  • Energia do Biogás
  • Energia da Biomassa
  • RSU – Resíduos sólidos urbanos
  • RSI – Resíduos sólidos industriais
  • RSS – Resíduos de Serviços de Saúde
  • RCC – Resíduos da Construção Civil e Demolição
  • CTR – Central de Triagem de Resíduos e Aterros Sanitários
  • Lixões
  • Logística Reversa
  • Coleta Seletiva
  • Reciclagem
  • ETA – Estação de Tratamento de Águas
  • ETE – Estação de Tratamento de Esgoto
  • Abastecimento e Distribuição de Água
  • Tratamento de efluentes domésticos
  • Tratamento de efluentes industriais
  • Procedimentos Químicos e Físicos aplicados a Água
  • Saneamento Básico
  • Recursos Hídricos
  • Captação de Águas de Chuvas
  • Dessalinização

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outro meio de comunicação;
  • Submeter os trabalhos escritos em português, e atender as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT;
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word;
  • O artigo poderá ter até 03 A4 ou o equivalente a até 900 palavras; texto em espaço 1,5; fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos com os devidos “créditos”, “fontes”, etc.
  • O artigo deve conter TÍTULO DO ARTIGO (preciso e conciso), nome completo do(a) autor(a) com indicação da empresa ou instituição do país, mini-curriculum, uma foto e URL do Linkedin opcional;
  • URLs para as referências foram informadas quando possível;
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos padrões;
  • Cada autor(a) poderá publicar até 6 (seis) artigos por ano, No caso de coautoria, avaliaremos internamente.

Consideramos que o propósito da seção OPINIÃO DE ESPECIALISTA é fomentar conhecimento, agregar informações e levar os leitores e seguidores do nosso canal à reflexão e a troca de experiências. Por isso, não serão aceitas publicidades diretas ou indiretas, ou links com direcionamento comercial.

Alguns exemplos de artigos já publicados por colaboradores:

1) No dia mundial da água, apresentamos livro que aborda o consumo consciente da água: aproveitamento de águas de chuva e reuso de águas residuais 

2) Qual a importância da Logística Reversa e o reaproveitamento de resíduos? 

3) Por que não aproveitar o dia 15 de março, dia do Consumidor, para nos reinventarmos? Uma reflexão sobre nosso comportamento, consumo e meio ambiente. 

4) Regulamentado controle à importação de produtos objeto de Logística Reversa

Tempo de Avaliação

As contribuições serão avaliadas por nós dentro de um prazo máximo de até 15 dias aproximadamente, após o recebimento por e-mail.  Assumir a ciência de que o autor(a) não será remunerado a publicação de seu trabalho. Ao enviar seu material para publicação você concorda em fazê-lo a título de colaboração não remunerada, entendendo que a compensação pelo seu trabalho virá na forma de agregar seu portfólio e visibilidade acadêmica e profissional.

Responsabilidade do autor(a)

O canal AMBIENTAL MERCANTIL e sua editoria não se responsabilizam por conceitos e opiniões emitidos pelos autores, sendo de total responsabilidade do(a) autor(a) e coautores os conteúdos, informações e declarações contidos nos artigos publicados. O(s) autor(es) devem assumir a responsabilidade quanto sua participação, de forma significativa na construção e formação do artigo e que, enquanto autor, tem responsabilidade pública pelo conteúdo veiculado.

Reserva de direito

Todos os artigos recebidos contendo teor e conteúdo dos setores que atuamos no nosso canal são “à priori” bem-vindos e considerados para publicação. O autor(a) deverá assumir a ciência de que os artigos que não atenderem as regras aqui estabelecidas não serão publicados. Nos reservamos o direito de aceitar ou não, publicar ou não, dependendo da demanda interna de trabalho; como também nos reservamos o direito de apagar futuramente o artigo já publicado sem aviso prévio (caso o tema não esteja atual, ou até pela própria manutenção técnica da plataforma).

Envio do material

Por favor, enviar para colaborador@ambientalmercantil.com – assunto: Opinião de Especialista.


TUDO SOBRE MEIO AMBIENTE, ENERGIAS E SUSTENTABILIDADE

Separadores balísticos da STADLER na Planta de Triagem Remeo. Foto: Esko Tuomisto
GESTÃO DE RESÍDUOS

Resíduos de construção civil e demolição: De redução para a reciclagem em circuito fechado e aberto

A STADLER, um fornecedor líder de plantas de classificação para a indústria de reciclagem, está vendo um aumento na demanda de plantas de classificação de resíduos capazes de produzir materiais de alta qualidade que podem ser reciclados para substituir parcialmente os recursos naturais brutos no ciclo de produção de materiais de construção. […]

Estão sendo convidados para participar do estudo pessoas que tenham 18 anos ou mais e sejam organizadoras ou frequentadoras de eventos open bar.
ESG | ASG

Impactos ambientais de resíduos de festas open bar

O trabalho visa estimar os impactos ambientais gerados pelos resíduos sólidos descartados na execução de eventos de lazer do tipo open bar, bem como avaliar a percepção dos organizadores de eventos dessa natureza e do público que os frequenta sobre tais impactos e sua disposição em frequentar e dar preferência a eventos em que preocupações ambientais estejam presentes.  […]