Way2 recupera mais de R$ 11 milhões em receitas em 2020 e projeta crescer 25% em 2021

softelec

Imagem: Divulgação Way2 | Sede da Way2, em Florianópolis (SC) antes do início da pandemia. Hoje faz home office | Fornecedora de tecnologia para medição e gestão de energia elétrica atende 70% da capacidade instalada de geração no país, ampliando a eficiência e economia de geradoras, distribuidoras e empresas

Publicidade
Publicidade
AMBIENTAL MERCANTIL

Fornecedora de soluções tecnológicas para medição e gestão de energia elétrica, a Way2 viu seu faturamento crescer 21% nos últimos cinco anos (entre 2016 a 2020). Para este ano, projeta nova expansão, de 25%. Consequentemente, seu quadro de funcionários vem aumentando. Só no ano passado, o acréscimo de pessoal foi de 40%. Hoje, conta com 110 profissionais e a projeção é ultrapassar 120 até o fim de 2021. Fundada há 16 anos, em Florianópolis (SC), a empresa cresceu e se fortaleceu por meio do desenvolvimento de plataformas e serviços personalizados que coletam, monitoram e garantem a qualidade de dados de energia.

Está presente, atualmente, em mais de 1.500 grandes consumidores de média ou alta tensão, além de atender 70% da capacidade instalada de geração no país. 

“O setor elétrico, por inúmeras razões, ainda é considerado tradicional, fazendo movimentos de modernização de forma mais lenta que outros setores. Nosso propósito é ajudar o setor com tecnologia, demonstrando segurança e desempenho nesta evolução, por meio da nossa história de pioneirismo e inovação na área”, afirma o CEO da Way2, Ricardo Grassmann. 

As informações geradas por meio das tecnologias desenvolvidas pela Way2 auxiliam gestores de energia a tomarem decisões mais ágeis, ampliarem a eficiência operacional, se adequarem à regulação do setor e também atingirem requisitos relacionados a boas práticas ambientais, sociais e de governança corporativa (ESG), para se tornar uma empresa 100% verde. Atualmente, tem entre seus clientes as geradoras de energia AES Brasil e Statkraft; as distribuidoras Cemar/Equatorial, Neoenergia, e Elektro e empresas como a operadora de telecomunicações Oi. 

Para se ter uma ideia do impacto das soluções da empresas junto ao mercado, em 2020 ela foi responsável por recuperar, junto com os clientes, mais de R$11 milhões em receitas, mitigando penalidades e desperdícios com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) e as concessionárias. Esse crédito é resultado do acompanhamento de dados no software inteligente da Way2, utilizado tanto pelo centro de operações da empresa, quanto pelos clientes, que monitoram em tempo real e analisam a saúde dos dados de energia gerados. 

Apoio ao atendimento de requisitos ESG

Um dos seus principais produtos atualmente no mercado, a PowerHub é uma plataforma de aquisição, gerenciamento e inteligência de dados de energia, que permite a grandes consumidores centralizar as informações em um único sistema, facilitando as informações no gerenciamento dos parâmetros de utilização de energia, como consumo, demanda e fator de potência. A gestão de energia em tempo real, junto com a auditoria de faturas – que minimiza cobranças indevidas por parte das concessionárias e disponibiliza subsídios para contestação e recuperação de créditos tributários -, possibilita a identificação de ineficiências, aumento de potenciais de economia, melhorias em eficiência energética e auxilia na previsibilidade dos custos e uso consciente da energia

A ferramenta, assim como outras soluções de medição e gerenciamento de energia da Way2, funciona como um recurso complementar para empresas atingirem diversos requisitos da ESG, ao permitir a visibilidade de  dados de consumo, demanda, e  o total de energia disponibilizada e gerada proveniente de fontes renováveis, assim como a participação de fontes renováveis na oferta primária de energia

São informações imprescindíveis para qualquer preparação, tanto para a ESG, como para a implementação de certificados de origem de energia renovável, como os I-RECS. Esses também precisam de ferramentas para que os dados captados possam ser auditados e gerenciados, o que é também um dos desenvolvimentos da empresa de Santa Catarina.

“Mensurar indicadores de sustentabilidade permite às usinas e aos consumidores avaliarem os impactos positivos da geração e consumo de energia. Medidas que resultam em benefícios ambientais, como investimentos em energia limpa, modernização da rede elétrica, reabilitação de zonas costeiras e pesquisas em áreas como armazenamento de energia e captura de carbono devem ser priorizadas de agora em diante”, explica Thales Fonseca, Diretor Comercial da Way2

Gestão de créditos para o mercado de Geração Distribuída 

No ano passado, a empresa entrou no mercado de Geração Distribuída ao lançar, em meio à pandemia de COVID-19, o Line: uma plataforma online para gestão de créditos de energia, que atende uma demanda sustentável de crescimento. Dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSolar) indicam que o mercado deve atrair R$ 17 bilhões em novos investimentos no Brasil até o fim de 2021, tanto de empresas fabricantes como de consumidores que querem adotar o sistema fotovoltaico como principal fonte de energia

Além disso, a Associação Brasileira de Geração Distribuída (ABGD) contabilizou o marco de 6 GW de potência instalada com 400 mil conexões e 500 mil unidades consumidoras alimentadas por elas. Todas essas unidades produzem ou recebem créditos de energia das modalidades de geração distribuída, e sua gestão depende de plataformas como o Line para que haja escalabilidade e crescimento saudável das empresas. Para grandes empresas consumidoras, consórcios e cooperativas de Geração Distribuída, a gestão de créditos é fundamental.

Entre as maiores do setor e as melhores para trabalhar

Imagem: Divulgação

A Way2 integra a lista das cinco maiores empresas de tecnologia do setor no Brasil, segundo o estudo EnergyTech 2021, da Distrito, que considera elementos como número de funcionários, visibilidade nas redes sociais, investimento captado e faturamento presumido. Também está no top 10 (6ª posição) das melhores empresas Great Place To Work de TI para trabalhar no Brasil em 2020 (categoria PME – 30 a 99 funcionários).

A empresa também segue conversando com fundos para fortalecer a estratégia de crescimento. No primeiro trimestre, chegou a anunciar uma parceria com a 2W Energia, que acabou não evoluindo, por uma decisão de ambas as partes envolvidas no negócio. 

Site oficial: https://www.way2.com.br/

Crédito:
Imprensa | Way2

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
About Ambiental Mercantil Notícias 5366 Articles
AMBIENTAL MERCANTIL é sobre ESG, Sustentabilidade, Economia Circular, Resíduos, Reciclagem, Saneamento, Energias e muito mais!