Empresas de sul a norte do país integraram a Delegação BRASIL SOLAR no ‘The smarter E South America’, o maior evento de energias da América Latina em São Paulo

Os organizadores do maior evento de energias da América Latina, os alemães Dr. Florian Wessendorf (CEO) e Gioia Müller-Russo (Gerente de Projetos) receberam oficialmente os representantes da delegação BRASIL SOLAR durante o evento.
Os organizadores do maior evento de energias da América Latina, os alemães Dr. Florian Wessendorf (CEO) e Gioia Müller-Russo (Gerente de Projetos) receberam oficialmente os representantes da delegação BRASIL SOLAR durante o evento.

Imagem: Divulgação | Por Simone Horvatin e Eliana Cavalcanti, colaboração para AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS

  • O evento The smarter E South América 2022 foi recorde: mais de 400 expositores nacionais e internacionais, mais de 2.300 congressistas e mais de 44.000 visitantes.
  • A Delegação Brasil Solar fez parte deste público recorde: foram 18 empresas representando os Estados de Alagoas, Sergipe, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, São Paulo, Distrito Federal e Paraná.
  • A Delegação Brasil Solar foi co-organizada e recepcionada com exclusividade pela Simone Horvatin, da Ambiental Mercantil.

Agosto de 2022 – Os participantes da Delegação Brasil Solar, que visitaram a The smarter E South America 2022 fizeram parte de um movimento de união em 2021, com manifestação em Brasília para agilizar a pauta e votação pelo Congresso Nacional do PL5829/2019, que visava a criação do Marco Legal da Geração Própria de Energia Solar, hoje a Lei 14.300.

O Brasil possui mais de 15.000 pequenas e médias empresas que atuam diretamente com energia solar fotovoltaica e estão inseridas em uma cadeia imensa, oferecendo produtos e serviços que promovem o crescimento da energa limpa e desenvolvimento sustentável do país, gerando emprego e renda.


Delegação Brasil Solar presente no maior evento de energias da América Latina

Imagem: Divulgação de alguns participantes| Delegação de 22 empresários de solar visitaram os Congressos e Feiras.

Os integrantes do movimento continuam unidos pela não taxação de impostos sobre a geração de energia solar fotovoltaica para pequenos e médios produtores (geração distribuída de até 5MW) .

Foto: Eliana Cavalcanti com empresários do setor

Uma das líderes de destaque deste movimento é Eliana Cavalcanti, pós-graduada em Energias Renováveis pela UNINTER, com experiência na área de políticas públicas integradas, CEO da Fort3 Solar, presidente da AL Solar (Associação de Energia Solar de Alagoas) e vice-presidente da Anesolar (Associação Norte e Nordeste de Energia Solar).

Eliana Cavalcanti é popular e engajada pelos direitos da geração própria de energia em nível nacional.

Ela segue na luta pela não taxação da energia solar em prol da representatividade das pequenas e médias empresas de energia solar e dos milhões de consumidores que necessitam gerar sua própria energia para aumento de sua capacidade produtiva.

“Projetos de energia solar nos telhados das empresas e residências, geração junto à carga, que compreende mais de 80% do mercado, não podem e não devem ser taxados!, diz Eliana.

Imagem: Eliana Cavalcanti

“Foi uma imensa satisfação participar e coordenador mais uma vez uma Delegação de empresários de todo o Brasil, com representatividade de causa, para participar do maior evento de energias da América Latina, com apoio e parceria da Ambiental Mercantil.

Em 2019, estivemos presentes com a Delegação Alagoas Solar, empresários do solar que atuam no mercado Alagoano e Nordestino. Este ano, tivemos integrantes de outros estados e regiões: Sergipe, Maranhão, Alagoas, Paraná, Bahia, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal.”


Recepção oficial da Delegação Brasil Solar 2022 pelos organizadores do evento

A maioria das empresas participantes da Delegação Brasil Solar são integradores, revendas e distribuidores de soluções fotovoltaicas e fazem parte das associações AL Solar (Associação Alagoana de Energia Solar), Annesolar (Associação Norte Nordeste de Energia Solar), AbahiaSolar (Associação Bahiana de Energia Solar) e a MSL (Associação Nacional Movimento Solar Livre).

Foto oficial: Os organizadores da Alemanha, Dr. Florian Wessendorf (CEO) e Gioia Müller-Russo (Gerente de Projetos) receberam oficialmente os representantes da delegação BRASIL SOLAR durante o maior evento de energias da América Latina.

Segundo Eliana, The smarter E South America é um evento completo e possibilita muito aprendizado, troca de experiências e vivências nos âmbitos nacional e internacional. Proporciona importantes parcerias técnicas e comerciais, ampliação do portfólio de produtos e serviços das empresas, visando maior qualidade na oferta dos Sistemas Solares.

Participar deste evento em grupo é muito mais benéfico, pois o evento cresceu bastante, o que muitas vezes nos impede de, sozinhos, conseguir usufruir com mais qualidade da programação completa. Em bloco, nos dividimos e conseguimos em quantidade e qualidade percorrer e participar das feiras e congressos, gerando assim, mais oportunidades mútuas. Estabelecemos novas parcerias e negócios, fizemos contatos estratégicos visando as necessidades da empresa e das associações que representamos”, diz Eliana Cavalcanti.

Ficamos impactados como o mercado brasileiro de geração própria de energia (GDFV) tem crescido. The smarter E South America nos mostrou na prática isso, pois fabricantes e distribuidores nacionais e internacionais estavam presentes no evento, que vem crescendo exponencialmente ano a ano,completa Cavalcanti.

Foto (esquerda para direita): Wáldemon J. Tette, Eliana Cavalcanti, Alexandre Pletikoszits de Andrade, Simone Horvatin e Betina Alves.

O evento demonstrou que a cadeia de produtos e serviços está muito maior e mais diversificada neste evento.

São novas plataformas de gestão, marketing, cursos, novos materiais, estruturas, módulos solares fotovoltaicos mais potentes, novos inversores, mais opções de linhas de financiamento. Novas associações em defesa do setor e as já existentes, muito mais fortalecidas”, conclui.

Há ainda uma forte ascensão do mercado Off Grid, tanto na programação do congresso, quando na exposição dos estandes. A oferta de carregadores e modelos de carros elétricos na feira mais que quintuplicou, firmando a força da mobilidade elétrica tão necessária para a redução de emissão dos gases de efeito estufa (CO2) na atmosfera, se agregado ao carregamento com fonte de energia limpa.

Impressões dos participantes da Delegação BRASIL SOLAR sobre o evento

As empresas integrantes do movimento BRASIL SOLAR continuam a lutar pelos direitos de milhares de municípios nordestinos e brasileiros, e seguem atentos a Lei 14.300. Apesar do mercado seguir em expansão, as lideranças do movimento observam as mudanças regulatórias iminentes que possam vir a alterar o texto base (e que poderão não ser benéficas ao setor a médio e longo prazo).

O Brasil é o “país do sol” e o movimento BRASIL SOLAR continua sua luta, convidando todos a aderir ao SIM à Energia Solar Livre e bem Distribuída. Dizer SIM a Energia Solar é incentivar democraticamente seu crescimento, e não taxá-la.

>>> CONTINUA NA PÁGINA 2

ANUNCIE COM A AMBIENTAL MERCANTIL
AMBIENTAL MERCANTIL | ANUNCIE NO CANAL MAIS AMBIENTAL DO BRASIL
Sobre Ambiental Mercantil Notícias 2910 Artigos
AMBIENTAL MERCANTIL NOTÍCIAS é um canal exclusivo sobre o Meio ambiente e Tecnologias ambientais, ESG e Sustentabilidade, Energias Renováveis (Solar Eólica, Biogás e muito mais), Cursos e Eventos!